Quem decide se você vai à praia? Sua vontade ou sua aparência?

por

Vou tentar começar a escrever sobre este assunto sem gritar e berrar toda minha indignação. Nesta semana eu soube de três casos de meninas lindas que não vão a praia porque se acham gordas. Aí eu penso: se eu soube de três casos, se eu conheço poucas pessoas aqui na Florida e foram três casos em uma semana, só posso concluir que existe um número muito grande de adolescentes nessa situação. E tem mais, ficam em casa tristes com seus corpos, muitas vezes sem comer ou comendo absurdamente muito e cada vez mais se destruindo. Como eu gostaria de ajudar essas pessoas.

Eu acredito que a autoestima esteja muito relacionada a educação e exemplos que temos em casa. A pergunta é, o que eu estou mostrando para meus filhos? Mostro que me alimento adequadamente, alimentos frescos, compartilho com meus filhos o porquê é importante comer alimentos saudáveis, ou eu sempre estou correndo, estressada, repetindo que não tenho tempo para nada e mostrando que posso comer qualquer coisa improvisada que está tudo bem? Mostro para meus filhos que preciso cuidar de mim porque sou uma pessoa que se ama, ou me submeto ao estresse em prol de qualquer outra prioridade.

Eu promovo momentos ao ar livre, em parques, praias, momentos de atividade física e exercícios ou eu vou à praia reclamando de como estou fora de forma e ainda fico comentando sobre os corpos das outras pessoas? Levo para esse locais bebidas e alimentos saudáveis ou não?

Não associe os exercícios ao emagrecimento, não avalie o corpo dos seus filhos pelo corpo de modelos, não chame a atenção do corpo do seu filho porque ele está fora dos padrões atuais de beleza. Não compare seus filhos aos primos, filhos de amigos ou qualquer outra criança. Eles têm os valores deles e estes devem ser elogiados e ressaltados. Incentive seus filhos a desenvolverem o que eles têm de melhor e não a imitarem outras pessoas.

Faça o seguinte exercício, olhe a sua volta em uma praia, em um parque ou na rua e responda. Todas essas pessoas estão no padrão de beleza ditado pela mídia? Acredito que não. Então se pergunte mais uma vez, seriam todas elas infelizes? Claro que não. Então, vamos cuidar dos nossos filhos, netos, sobrinhos e filhos de amigos. Vamos cuidar da autoestima e deixar que eles nos deem o que têm de melhor.

Os corpos precisam de saúde e não de medidas.


A Dra. Ivani Manzo atende pessoas pessoalmente ou online, auxiliando a terem uma alimentação mais saudável, encontrando o melhor tipo de atividade física e melhor qualidade de vida.  A Dra. Ivani Manzo é PhD pela Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo UNIFESP-EPM.  Há anos estuda o funcionamento do corpo humano. Acredita que a melhor forma de manter a saúde e a qualidade de vida é cuidando da alimentação, sono e fazer exercícios.   Para contato, visite: http://www.myclickcoach.com

Deixe Seu Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Translate »